Auxílio Estudantil 2016.2

Foi publicado nesta quarta-feira (8) o edital para concessão de bolsas do programa de auxílio estudantil para o segundo semestre letivo de 2016. As bolsas são destinadas aos alunos da UTFPR que possuem renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa.

Uma das novidades do edital é a separação dos candidatos em três grupos: GE01 – que abrange os alunos que já estão matriculados na Universidade até a data de publicação do edital; GE02 – alunos com matrículas efetivadas entre 10 de junho e 27 de julho; e GE03 – alunos com matrículas efetivadas entre 16 e 25 de agosto. Cada grupo terá um período específico para inscrição, entre os dias 20 de junho e 26 de agosto.

Ao todo, são quatro modalidade disponibilizados pelo Programa, sendo eles: auxílio alimentação, em forma de crédito nos Restaurantes Universitários da Instituição, com exceção das unidades que não possuem RU, que receberão um valor mensal; auxílio básico, no valor de R$ 200 mensais; auxílio moradia, no valor mensal R$ 300 para alunos que atenderem aos requisitos; e auxílio instalação, concedido em uma única parcela aos alunos ingressantes no valor de R$ 400.

Tá, mas como posso fazer minha inscrição?

Para se inscrever, o aluno deve preencher e enviar o Formulário para Solicitação de Auxílio Estudantil, que pode ser do tipo Completo ou Resumido, dependendo do GE do estudante. Os dois formulários podem ser acessados diretamente no Portal do Aluno. Também é preciso fazer a entrega da documentação exigida no edital ao Núcleo de Assistência Estudantil (Nuape) do respectivo câmpus. Mas atenção! Essa entrega da documentação, no entanto, é facultada aos estudantes do grupo GE01 que desejam manter o mesmo Índice de Vulnerabilidade do 1° semestre.

Abertas inscrições para as bolsas de auxílio estudantil do segundo semestre

Já estão abertas as inscrições para o processo seletivo do Auxílio Estudantil do segundo semestre letivo de 2015. Para os veteranos, o prazo é até o próximo dia 30 para inscrição online e entrega dos documentos no Nuape – exceção aos veteranos do Câmpus Pato Branco que terão até o dia 3 de julho para se inscreverem.

Pode ser candidato o aluno regularmente matriculado em cursos presenciais da UTF, que tenha renda familiar per capita inferior a um salário mínimo e meio nacional.

Conheça as diferentes bolsas oferecidas:

Auxílio Alimentação: concedido na forma de crédito para refeição nos Restaurantes Universitários da Instituição; para os estudantes do Câmpus Santa Helena, que ainda não possui Restaurante Universitário, será concedido um valor mensal de R$ 150,00;
Auxílio Básico: concedido na forma de recurso financeiro, no montante de R$200,00 mensais;
Auxílio Moradia: concedido para os alunos que moram fora do seu domicilio familiar, é ofertado o Auxílio Moradia no valor mensal de R$ 300,00;
Auxílio Instalação: concedido em uma única parcela e destinado exclusivamente ao estudante ingressante. O valor de R$400,00 visa contribuir com as despesas relacionadas com a instalação do estudante no município onde está situado o Câmpus da UTFPR.

As inscrições online estão divididas em duas modalidades:

Modalidade 1 – preenche-se o Termo de Compromisso Resumido. É destinado ao estudante que já teve auxílio concedido no primeiro semestre letivo de 2015 e deseja manter o mesmo índice de vulnerabilidade, ou seja, a pontuação obtida na avaliação anterior. É importante lembrar que o estudante irá concorrer com os demais inscritos em igualdade de condições.

Modalidade 2 – preenche-se o Termo de Compromisso Completo. É feito para calouros e demais veteranos, que farão o novo cadastro do perfil socioeconômico e atualização dos dados de composição familiar.

A lista de documentos exigidos e o prazos de inscrição para os calouros estão no edital. Para mais informações, acesse a página do Auxílio Estudantil, ou dê uma passadinha no Nuape do seu câmpus.

Boa sorte a todos. :)

Bem-vindos, calouros!

Depois de anos de estudos, da tensão do Enem, da expectativa no site do Sisu, você conseguiu uma vaga na UTF e finalmente pode relaxar, certo? Ahn… não! Agora começam novos desafios. Principalmente se o câmpus escolhido for em outra cidade. Assim, o Blog do Aluno separou algumas dicas justamente para essas pobres almas… hehehe…

Procurando moradia
Dentro desse assunto, a primeira questão a ser pensada é: que tipo de moradia eu estou procurando? As três formas mais comuns são pensão, república e aluguel. Veja as principais características de cada uma:

Ah, vale lembrar que a UTF não possui residência universitária. Por outro lado, mas oferece um programa de assistência estudantil com bolsas em quatro modalidades: Auxílio Alimentação, Auxílio Moradia, Auxílio Instalação e Auxílio Básico. Para conhecer detalhadamente os critérios de seleção, acesse o último edital do Programa.

Cadê os anúncios?
A UTF conta com os Núcleos de Acompanhamento Psicopedagógico e Assistência Estudantil (NUAPE*), lá você pode receber informações e conselhos de profissionais acostumados em receber alunos vindos de fora. Há também os anúncios fixados nos murais da universidade e a internet, é claro – vai falar que você ainda não buscou o grupo do seu câmpus no face?

Para qual eu vou?
Na hora da escolha, anúncios com foto ajudam bastante, mas conhecer pessoalmente o local onde você vai morar ainda é essencial. Se possível, reserve um tempo para visitar o ap/casa/quarto, ou peça para que um conhecido o faça.

Desconfie de preços muito baixos. De nada vale pagar menos e morar sem tranquilidade. Leve em conta a segurança do lugar e a confiança que tanto o dono ou pessoas com quem você vai conviver passam, quanto a própria estrutura física do espaço.

Além das condições da casa, a infraestrutura e localização do bairro devem ser considerados. Morar próximo à universidade pode reduzir seu gasto com transporte, por outro lado, se a região for muito valorizada, o preço do aluguel pode pesar – neste caso, que tal investir em um bicicleta, por exemplo? Ter um supermercado à porta é outro bom negócio. Cozinhar em casa é a melhor solução – tirando o RU! – para se alimentar de forma saudável e, de quebra, economizar alguns trocados.

Conhecendo o Curso
Tornar-se um universitário, além de uma realização, é um grande desafio. Dúvidas ~existenciais~ são realmente comuns nesse período em que se está enfrentando as primeiras responsabilidades de uma decisão que pode ter consequências para toda a vida. Começar um curso requer dedicação, mas não fique assustado se no meio do caminho a sua escolha não tiver a sido aquilo que “você estava pensando”.

Escolha o que você realmente considera importante pra si, que exalte suas qualidades e que traga aquela gosto bom de anseio para novos desafios. Pesquisar sobre a área de atuação do curso NUNCA é demais. Isso lhe ajudará a ter uma noção do que poderá encontrar mais na frente. E aí, duas fontes são indispensáveis:

  • Internet: essa maravilha moderna disponibiliza um mundo inteiro de informações que serão muito úteis para você conhecer mais sobre o curso, área, oportunidades de atuação, curiosidades…  A palavra de ordem é Google it!
  • Profissionais da área: acredite, eles já foram calouros um dia e tiveram as mesmas dúvidas que você. Um bate-papo pessoal pode render respostas muito mais sinceras.

Sugestões de sites:
O Guia do Aluno da UTFPR explica um pouco mais sobre os cursos disponibilizados na instituição.
Um Teste Vocacional pode ser útil a ajudar a perceber se você está mesmo seguindo pelo caminho certo.
Um dos mais completos, o Guia de Profissões do Guia do Estudante vai te dar um panorama sobre as profissões e seus respectivos mercados de trabalho.

Achou que a opção que escolheu não é o melhor para você?! MUITA CALMA nessa hora, calouro. Desistir sempre é um ato de coragem. Repense sua opção e tente novamente! Uma hora você estará realizado com a opção que escolheu para si e colherá seus frutos 😉

Conhecendo a UTF
Nada mais importante que conhecer o seu futuro “lar” pelos próximos anos, não é verdade? Essa mãozinha vai pra vc, que COM CERTEZA se sentirá bem perdido nos primeiros dias/meses de aula… ainda mais com os câmpus cheios de siglas enigmáticas e indecifráveis da UTF.

  • Quando sobrar um tempinho, visite com antecedência o câmpus que em irá estudar, assim você já saberá onde estarão alguns pontos importantes como banheiros, quadra esportiva, principais secretarias, departamento do seu curso e claro, o lugar mais pop da UTF, o R.U 😛
  •  A UTF é muito cuidadosa com os seus calouros e outros eventuais perdidos. Prova disso, é que alguns câmpus disponibilizam mapas para você ficar de olho e se localizar mais facilmente dentro deles. Para isso, basta buscar no site por “mapas” e “—nomedocampus—“.

Além de conhecer “fisicamente” a sua futura universidade, há pontos MUITO importantes ainda a se destacar. O primeiro deles é que a UTF é um lugar de OPORTUNIDADES.  O ambiente universitário é maravilhoso para você aprender, exercitar e desenvolver todas as suas qualidades! É por isso que, entrando aqui, você terá oportunidades para fazer quase tudo que gosta, evoluindo como acadêmico e cidadão.

Entre as oportunidades mais legais, estão os Cineclubs* (espaço dedicado para exibição de filmes e reflexão acerca deles), Teatro UTFPR* (oficinas de atuação e cenografia) e o Coral UTFPR* (orquestra e oficina de música). A UTF também é sempre recheada de atividades culturais, mostras de talentos, eventos comemorativos, feiras e simpósios para todos os gostos.

Frequentemente, acontecem olimpíadas e concursos científicos e/ou culturais para você colocar em prática tudo o que está aprendendo. Para os amantes do esporte, ocorrem jogos intercursos e intercampus, uma oportunidade bacana para se exercitar e conhecer pessoas diferentes. Há também vários grupos de estudos e pesquisas, formados por alunos e professores das mais diversas áreas.

Ah, sem falar dos projetos de ação social, ofertas de estágios, incubadora de negócios, programas de tecnologia assistiva… Ufa! É tanta coisa rolando, que aos poucos você irá conhecer um pouco de tudo.

E vai aí um aperitivo do que rola na UTF 😀

Coral no campus Francisco Beltrão

Teatro no campus Curitiba

Apresentação musical no campus Pato Branco

Cine-Debate no campus Cornélio Procópio

UTFashion
Desfile de moda no campus Apucarana

Feira de profissões no campus Londrina

Orquestra UTFPR em apresentação no campus Curitiba

Por último, o básico.

Faça amigos!
Pode até parecer óbvio, mas amigos ainda são o melhor caminho para se manter longe de roubadas. Vale à pena procurar previamente na internet por grupo de pessoas do novo local com interesses iguais aos seus. Desembarcar em uma cidade onde já se têm conhecidos pode facilitar, e muito, sua vida de calouro.

*Estas atividades não acontecem em todos os câmpus ainda. Por isso, pesquise sobre a disponibilidade delas no seu câmpus.

Moradia – Apucarana e Curitiba

Rebemos duas informações sobre moradia nessa semana. Os alunos do Câmpus Curitiba podem participar do Concurso para Novos Moradores da Casa do Estudante Luterano Universitário (CELU). E para quem estuda no Câmpus Apucarana há uma vaga em república masculina na cidade.

Em Curitiba, a CELU está organizando um concurso para novos moradores. As inscrições vão até 08 de Novembro de 2012, às 20:00h. Quem quiser participar deve estar cursando o nível superior, ter família residente fora de Curitiba, não possuir graduação superior, ser do sexo masculino e pagar um taxa de de inscrição de R$15,00.

Confira a relação dos documentos que devem ser apresentados, o que a CELU oferece e mais informações na Página da CELU.
.
Em Apucarana há uma vaga temporária em republica masculina com 2 quartos (quarto individual), casa mobiliada, localizada próximo ao mercado canção, no centro. O custo é de R$ 250,00 (apenas aluguel), mais contas (sem internet). Para saber mais, entre em contato:
Virgilio: (43) 9653-6877 (Tim) ou virgilio_ferraz@hotmail.com
Baiano: (43) 9627-0856 (Tim)