Câmpus Medianeira abre dupla diplomação para Engenharia de Produção

E cada vez mais os alunos da UTF ganham o mundo!

O Câmpus Medianeira está com inscrições abertas para a seleção de candidatos ao Programa de Dupla Diplomação entre o Curso de Bacharelado em Engenharia de Produção do Câmpus e o curso de Mestrado em Engenharia Mecânica do Instituto Politécnico do Porto (IPP).

O objetivo é promover a mobilidade internacional dos estudantes, possibilitando contato com outras culturas, bem como a ampliação de possibilidades para formação profissional e humana. Ao todo, estão sendo ofertadas quatro vagas e as aulas em Portugal terão início já no próximo mês de setembro.

O período de inscrição segue até 30 de junho de 2016, das 14h às 17h, na Secretaria da Diretoria de Graduação e Educação Profissional (Dirgrad) do Câmpus Medianeira.

Para concorrer a uma das vagas, é preciso preencher alguns requisitos:

a) Estar matriculado no curso de Engenharia de Produção da UTFPR do Câmpus Medianeira, cursando, no mínimo, o 7º período no primeiro semestre de 2016;

b) Estar, no mínimo, no 8º período do curso de Engenharia de Produção no segundo semestre de 2016;

c) Possuir coeficiente de rendimento mínimo de 0,60 no ato da inscrição;

d) Ter disponibilidade para morar em Portugal por pelo menos 12 meses.

Ah, qualquer dúvida é correr aqui no edital normativo da seleção.

Ciências Contábeis de malas prontas para a dupla diplomação

O curso de Ciências Contábeis da UTF terá sua primeira participação em um programa de intercâmbio de dupla diplomação! Bruno André Nunes da Silva, Bruno Prando da Silva, Fernanda Cristina Belokurows e Matheus Kruger Quednau foram os alunos selecionados para estudar por um ano no Instituto Politécnico do Porto, em Portugal.

Foto: Reprodução/Diário do Sudoeste

O programa acontece por meio de um convênio firmado entre a instituição portuguesa e a UTFPR, que passa por um processo de internacionalização de seus cursos de graduação.

A novidade foi muito bem vinda entre os alunos. “Atualmente somente a graduação já não é mais suficiente quando o fator é crescer profissionalmente, então a experiência de ir para fora do país estudar é de grande valia, principalmente para a área de ciências contábeis, onde são poucos, raros, os que conseguem ir para fora do país se especializar na área, principalmente na graduação”, explica Bruno André. E Bruno Prando completa “O curso, com este programa, só tende a crescer e melhorar em todos os sentidos. É sempre bom compartilhar conhecimentos na área acadêmica”.

O grupo de estudantes terá a oportunidade de receber além do diploma de Bacharel em Ciências Contábeis expedido pela UTFPR, os diplomas de Licenciado e Mestre expedido pelo Instituto Politécnico do Porto. Um passo a mais para Bruno André, Fernanda e Matheus que pretendem lecionar. Matheus aliás, planeja ser professor aqui mesmo da UTF: “pretendo usar a experiência com outras metodologias de ensino nas salas de aula”, diz.

A viagem está marcada para setembro. E as expectativas? Olha só: “Acredito que esse ano lá será de muito aprendizado. Com toda certeza descobrirei novas culturas, pessoas, formas de viver e principalmente de ver o mundo. Minha expectativa é aprender como é a contabilidade em Portugal e também em toda a Europa, explorar ao máximo a forma de ensino deles, e quando voltar aplicar tudo que aprendi por aqui”, conta Bruno André.

Parabéns, quarteto, e um ótimo período de aprendizado em terras europeias! 😀

Alunos UTF embarcam para dupla diplomação em Portugal

Já pensou em terminar a graduação e sua formação ter validade no Brasil e na Europa? É o que vai ocorrer com 15 alunos dos Câmpus Campo Mourão, Medianeira, e Ponta Grossa, selecionados para o Programa de Dupla Diplomação da UTF.

Basicamente, o procedimento é bem simples. Após ser selecionado em um edital próprio, o aluno embarca para Europa para cursar parte da sua graduação em uma das universidades conveniadas com a UTF. Ao concluir o curso, já no câmpus de origem, receberá os diplomas das duas instituições – o que permitirá o exercício da profissão tanto no Brasil quanto nos países europeus integrantes da União Europeia.

Neste ano, a parceria da UTF é com os institutos portugueses Politécnico de Bragança (IPB), para alunos de Engenharia de Alimentos e Engenharia Química, e Politécnico do Porto (IPP), para os de Eletrônica.

Da esquerda para a direita, as históricas cidades do Porto (Foto: Rui Bittencourt) e de Bragança (Foto: Reprodução/Web)

E antes de arrumar as malas, é claro que Camila preparou AQUELA festa de despedida!

Camila Andressa Bissaro, estudante de Engenharia de Alimentos do Câmpus Campo Mourão, é uma das quinze que estão arrumando as malas. Ao Blog do Aluno, a quase intercambista conta que pretende ampliar as possibilidades de sua formação profissional e deixou um ‘obrigada’ bem legal: “sou imensamente grata à UTFPR por essa grande conquista e em especial ao meu câmpus de Campo Mourão e toda diretoria e coordenação de Engenharia de Alimentos”.

“Com certeza será uma experiência que irá trazer muitos benefícios para nossa carreira, destacando a obtenção do diploma válido por toda a União Européia”, comenta Adriano Henrique, aluno de Engenharia Química de Ponta Grossa e outro que está contando os dias para viagem. 😉

Gostou do Programa? Então, não deixe de acompanhar a divulgação dos editais junto à coordenação do seu curso!

Ah, e as inscrições para o Ciência sem Fronteias (CsF) continuam abertas. São mais de 14 mil vagas.