Instituto Politécnico de Bragança oferece 200 vagas para estudantes brasileiros

Esta é pra quem deseja ter a experiência de ter uma graduação fora do país! O Instituto Politécnico de Bragança (IPB), de Portugal, está com inscrições abertas para o processo seletivo do Programa de Formação no IPB em parceria com a UTFPR. Todas as graduações ofertadas possuem acordo de dupla diplomação com um curso equivalente da Tecnológica.

Ao todo, são ofertadas 200 vagas e a seleção utiliza como critério a pontuação do Enem dos últimos três anos, 2016, 2015, ou 2014. As inscrições podem ser realizadas até 21 de julho, diretamente na página do Instituto. Confira os cursos que participam do programa:

  • Engenharia Agronômica – 20 vagas;
  • Engenharia Civil – 20 vagas;
  • Engenharia do Ambiente – 20 vagas;
  • Engenharia Eletrotécnica e de Computadores – 20 vagas;
  • Engenharia Informática – 20 vagas;
  • Engenharia Mecânica – 20 vagas;
  • Engenharia Química e Biológica – 20 vagas;
  • Engenharia Zootécnica – 20 vagas;
  • Gestão – 20 vagas.

Os selecionados receberão a declaração de aceite do IPB para a solicitação de visto de estudos, bem como informações adicionais de apoio à chegada a Portugal e integração no Instituto e na cidade de Bragança. As aulas terão início em 18 de setembro.

Câmpus Dois Vizinhos seleciona alunos para dupla diplomação

O Câmpus Dois Vizinhos, em parceria com o Instituto Politécnico de Bragança (Portugal), está com com inscrições abertas até 15 de setembro para o Programa de Dupla Diplomação em Zootecnia e Agronomia. A documentação exigida para inscrição deve ser entregue diretamente à Diretoria de Graduação e Educação Profissional (Dirgrad) do Câmpus.

Edital de dupla diplomação em Zootecnia
Edital de dupla diplomação em Agronomia

O objetivo do programa é promover a mobilidade internacional e oferecer contato com outras culturas. Ao todo, serão aceitos dois alunos do curso de Zootecnia e quatro alunos de Agronomia. O programa terá duração de um ano e as despesas como passagem, translado, seguro e passaporte ficam por responsabilidade dos estudantes. As aulas devem iniciar no primeiro semestre letivo de 2017.

Após as inscrições, os alunos passarão por uma comissão composta por dois professores do curso e psicóloga do Câmpus que classificarão os alunos de acordo com os critérios: coeficiente de rendimento (peso 3); ficha de pontuação preenchida e documentadas (peso 3); entrevista (peso 4). A relação com os nomes dos candidatos classificados será divulgada na página do Dirgrad no dia 27 de setembro.

 

UTFPR seleciona alunos para estudar engenharia civil em Portugal

A UTFPR está com inscrições abertas para o curso de engenharia civil no Instituto Politécnico de Bragança (IPB), na cidade de Bragança, Portugal. A ação faz parte do ‘Programa de Formação de Engenheiros Civis no IPB em parceria com a UTFPR’.

engenharia_civil_ipb

O Processo Seletivo é destinado exclusivamente a estudantes brasileiros com ensino médio completo e que tenham realizado as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2015, 2014 ou 2013. O aluno selecionado e regularmente matriculado no IPB poderá, na fase final do curso, concluir a graduação em Engenharia Civil no Câmpus Campo Mourão da UTFPR, através do programa de dupla diplomação existente entre as instituições.

As inscrições são gratuitas e deverão ser efetuadas até 20 de julho, exclusivamente pela internet.  Ao todo, o edital oferece 20 vagas e as aulas estão previstas para iniciar já no próximo mês de setembro.

Acesse o portal do Câmpus Campo Mourão e consulte a íntegra do edital.

 

Campo Mourão abre inscrições para dupla diplomação em Eletrônica

Ótima oportunidade para os alunos do 7º período de Engenharia Eletrônica de Campo Mourão!

O programa de dupla diplomação entre a UTF e o curso de Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores do Instituto Politécnico de Bragança em Portugal está com inscrições abertas para alunos de Campo Mourão. O objetivo é contribuir com a qualidade de formação acadêmica e estimular novas estratégias de desenvolvimento do ensino de graduação na Universidade.

As inscrições podem ser realizadas até 25 de maio, na Diretoria de Graduação e Educação Profissional do próprio Câmpus. Para participar, o aluno deve estar cursando a partir do 7º período do curso e possuir coeficiente de rendimento de, no mínimo, 0,65. Ah, também é preciso ter disponibilidade de morar em Portugal por pelo menos 12 meses, suave né? 😉

Ao todo, serão selecionados até quatro alunos. A classificação dos candidatos se dá pela avaliação instituída pelo próprio câmpus. O início das atividades está marcado para o mês de setembro. E o melhor de tudo é ter a possibilidade exercer a profissão no Brasil e na Europa.

A lista preliminar com os classificados será divulgada no dia 31 de maio.

Para mais informações, consulte aqui o edital.

Que chance de ouro, minha gente!

Novos acordos de dupla diplomação

Já pensou cursar uma graduação e ter direito a exercer profissão no Brasil e na Europa?

E este será o futuro de muitos alunos da UTF. Na última quinta-feira, dia 10, a Universidade Tecnológica assinou cinco novos acordos de dupla diplomação com Portugal: Informática (Francisco Beltrão), Administração (Curitiba), Ciência da Computação (Ponta Grossa), Engenharia Elétrica (Cornélio Procópio) e Engenharia Eletrônica (Ponta Grossa).

Os convênios possibilitam que alunos dos cursos signatários façam um período de intercâmbio em Portugal e obtenham dois diplomas, um pela própria Universidade Tecnológica e outro pelo Instituto Politécnico de Bragança (IPB). Ao todo, já são 25 acordos de dupla diplomação firmados entre UTFPR e universidades estrangeiras.

Durante a reunião de assinatura dos acordos, o reitor da UTFPR, Carlos Eduardo Cantarelli, enfatizou a importância da internacionalização para que uma universidade seja, de fato, tecnológica e ressaltou que “esse processo [de dupla diplomação], com o intercâmbio de alunos e professores, muda a realidade, não só da Universidade, mas das cidades ondes os câmpus estão inseridos e, consequentemente, de todo o Paraná”.

Porque aluno UTF é aluno internacional! 😉