Ada Lovelace Day 2017

Vai ter mulheres na Tecnológica, SIM!

Com o objetivo de mostrar (e celebrar, é claro!) tudo o que foi conquistado pelas mulheres na tecnologia, ciências, matemática e engenharias, o Coletivo Emíli@s – Armação em Bits realizou no último dia 10, no Câmpus Curitiba, o Ada Lovelace Day, evento que apresentou uma série de palestras, oficinas e debates sobre a inserção das mulheres nessas áreas.

Oficina do Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

A iniciativa é organizada pelo Departamento Acadêmico de Informática (Dainf) do Câmpus Curitiba com o objetivo de aumentar a representatividade feminina na área da Computação, despertando o interesse de futuras estudantes e mantendo a motivação das atuais acadêmicas dos cursos de Engenharia da Computação e Sistemas de Informação.

A professora Maria Cláudia Emer, uma das organizadoras do evento, comenta que, apesar dos vários avanços vivenciados nos últimos anos, a questão cultural ainda é um empecilho para inserção das mulheres em cursos de tecnologia, uma vez que graduações nessa área ainda estão relacionados ao esteriótipo masculino.

O ponto positivo é que diversas iniciativas, como o Ada Lovelace Day, visam romper essas barreiras. “Com a realização do evento, nós celebramos as conquistas de mulheres nas ciências e pretendemos alcançar a integração e compartilhamento de experiências entre mulheres e homens nas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática”, comenta Maria Cláudia.

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

Ada Lovelace Day

O Ada Lovelace Day foi criado com o objetivo de celebrar as conquistas e feitos das mulheres na tecnologia, ciência, matemática e engenharia. O nome da data comemorativa faz referência a Ada Lovelace, matemática e escritora inglesa reconhecida por ter escrito o primeiro algoritmo para ser processado por uma máquina, isso ainda no século XIX. E olha que legal, Ada é considerada a primeira programadora de todos os tempos e não apenas a primeira mulher a escrever um código.

Mestrado em ciência da computação em Ponta Grossa

Pensando em seguir a carreira acadêmica? Mais uma excelente oportunidade na pós-graduação da UTF!

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) aprovou durante a 161ª Reunião do Conselho Técnico-Científico da Educação Superior, realizada no mês de dezembro em Brasília (DF), mais um programa de pós-graduação para a UTFPR, em Ciência da Computação para o Câmpus Ponta Grossa.

A proposta foi aprovada após ser submetida à análise de mérito seguida da emissão de parecer detalhado sobre a proposta, realizada pela comissão de área correspondente. O curso, aprovado com conceito 3 em um escala que vai de 1 a 7, tem como área de concentração “sistemas e métodos de computação” e será ofertado em nível de mestrado acadêmico com duas linhas de pesquisa: inteligencia computacional, modelagem e métodos computacionais, e sistemas de informação e computação.

Com esta nova autorização, a UTFPR passa a contar com 45 programas de pós-graduação que ofertam cursos de mestrado profissional, mestrado acadêmico e doutorado.

Quer conhecer cada um deles? É só clicar aqui! 😉

 

Alunos de Engenharia de Computação são premiados na 1ª Hackathon TOTVS, em Assis (SP)

Alunos de Engenharia de Computação do Câmpus Cornélio Procópio foram premiados na 1ª Hackathon TOTVS – Inovação em Multicultivos: Grãos, Citrus e Cana, realizada no último final de semana, dias 3 e 4, na cidade de Assis, em São Paulo.

O evento tinha o objetivo de atrair universitários para o desenvolvimento de novas tecnologias para o mercado da agroindústria. Foram 30 horas ininterruptas de reunião e desenvolvimento. A seletiva das equipes ocorreu durante o próprio evento e o resultado foi uma série de projetos para o setor agroindustrial.

Alunos que conquistaram o primeiro lugar na competição

Alunos que conquistaram o primeiro lugar na competição

E o segundo lugar da competição também ficou com a UTF ;)

E o segundo lugar da competição também ficou com a UTF ;)

Os alunos Ana Beatriz Sampaio, Davi Kawasaki, Junior Cruz e Ricardo Alvim conquistaram o primeiro lugar da competição com o projeto “SCDA – Sistema de Controle de Dados Analógicos”, utilizando tecnologia embarcada Intel Edison e serviços web. Amilton de Camargo Junior, Luis Galonetti, Thayna Gimenez e João Pedro Sacheti desenvolveram o projeto ”SIMIC – Análise de Infestação de Pragas no Cultivo de Soja”, utilizando tecnologia embarcada arduino blackboard e comunicação wireless com smartphone e desktop, o que possibilitou a conquista do segundo lugar da maratona.

Blogs de alunos

Nessa semana, recebemos a indicação de mais quatro projetos de alunos. Confira os links abaixo e conheça o que os alunos da UTFPR estão produzindo!

O blog Ciência e Tecnologia em Alimentos, do aluno Marcelo Sanches, do Curso de Tecnologia em Alimentos, do Câmpus Londrina, traz informações sobre a aplicação de novas tecnologias na área de alimentos, lançamentos de produtos, eventos, e outros assuntos relacionados à área de alimentos. Para conhecer o blog, acesse http://www.cienciaetecnologiaemalimentos.blogspot.com.br

Já os alunos Tito Alex Medeiros e Jose Luiz Monsani, do Curso de Ciência da Computação, do Câmpus Medianeira, desenvolveram um projeto na região oeste do Paraná denominado Portal Costa Oeste. No site é possível encontrar notícias e informações sobre a região oeste do estado. Além disso, ainda há enquetes sobre a região, curiosidades, eventos, classificados e muito mais. Confira: http://www.portalcostaoeste.com/

No Câmpus Ponta Grossa, o aluno Cristhian Bonilha, do Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, criou o blog Diário de Aprendizado. O objetivo do projeto é divulgar posts relacionados à maratona de programação, principalmente com dicas de como resolver exercícios. Se você se interessa por programação ou tecnologia da informação, acesse http://crbonilha.blogspot.com.br/ 

E para quem quer se divertir depois dos estudos, vale a pena conhecer o site RandomON. O projeto, que foi desenvolvido pelo aluno Gustavo Rech, do Curso de Engenharia Industrial Elétrica, do Câmpus Curitiba, tem o objetivo de divulgar todos os tipos de músico e possibilitar que todos tenham a oportunidade de conhecer novas músicas. Ouça: http://www.randomon.com/

Que tal divulgar o seu projeto aqui no Blog do Aluno também? Mande um e-mail para blogdoaluno@utfpr.edu.br, com informações sobre o projeto, seu nome, curso e câmpus.