Sisu 2019.1 | Algumas boas razões para estudar na UTFPR

Campanha Sisu 2019 - banner blog do aluno

O Sistema de Seleção Unificada do MEC (Sisu) orferta mais de 235 mil para o ensino superior em diversas instituições de ensino superior brasileiras.

Tá, mas por que escolher estudar na UTFPR?

Este post traz algumas boas razões 😉

1. Universidade jovem, com história centenária

A UTFPR é a primeira assim denominada no Brasil e, por isso, tem uma história um pouco diferente das outras universidades. A Instituição não foi criada e, sim, transformada a partir do Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná (Cefet-PR). Como a origem deste centro é a Escola de Aprendizes Artífices, fundada em 1909, a UTFPR herdou uma longa e expressiva trajetória na educação profissional.

Por conta disso, a Instituição tem uma relação próxima com o setor produtivo. Isso se dá, por exemplo, por meio de pesquisas aplicadas, da cultura empreendedora, de atividades sociais e extraclasse.

Como consequência, hoje os ex-alunos da UTFPR trabalham em empresas no Brasil, na Europa, nas Américas e até na China, o que dá a certeza que possuem uma excelente formação profissional e com competências mundiais.

2. Aberta ao mundo

Como você deve ter visto em nossa campanha, a UTFPR tem o ensino gratuito que abre portas para o mundo. São mais de 90 instituições conveniadas em diversos países com oportunidades de intercâmbio, programas de dupla diplomação e pesquisas conjuntas. Para você ter uma ideia, atualmente 150 alunos fazem intercâmbio por meio dos acordos de dupla diplomação, que permitem ao aluno estudar no exterior com a possibilidade de ter dois diplomas, um pela UTFPR e outro pela instituição estrangeira.

3. Auxílios Estudantis

A UTFPR oferece algumas modalidades de auxílio financeiro para alunos que possuem renda familiar per capta de até um salário mínimo e meio por mês. Ao todo, são três modalidades de auxílio: Básico, R$ 200 mensais para despesas gerais dos seus estudos; Moradia, R$ 300 mensais para alunos que moram distante do domicílio de sua família; Alimentação, almoço e/ou jantar gratuito no Restaurante Universitário (RU) dos câmpus. Além disso, todos os estudantes regularmente matriculados têm direito à alimentação subsidiadas nos RUs, a um custo de R$ 3,50 por refeição.

4. Sistema de bibliotecas

A partir de 2019, as bibliotecas da maioria dos nossos câmpus estará totalmente informatizada. Você mesmo poderá emprestar e devolver obras na biblioteca de seu câmpus ou de qualquer outro câmpus da UTFPR que você visitar. Outra possibilidade é ler seu livro no celular ou tablet. A UTFPR disponibiliza mais de 25 mil livros digitais com livre acesso para nossos alunos; sem falar no nosso acervo físico com mais de 200 mil exemplares.

5. Mais oportunidades

Não é só de aulas que vive um aluno. Na UTFPR, você poderá participar de empresas juniores, resolvendo problemas reais de empresas, fazer iniciação científica, participar de competição de carros de corrida, robótica, programação, entre outras. Também é possível participar das atividades da atlética e da vida político-estudantil da UTFPR por meio dos centros acadêmicos e Diretório Central dos Estudantes (DCE), além de, é claro, participar de projetos de extensão que auxiliam a comunidade ou ainda estudar um outro idioma.

O mundo espera por você, e nós também :)

Sisu 2019.1 | Pesos aplicados pela UTFPR

Campanha Sisu 2019 - banner blog do aluno

A partir desta segunda-feira (22) estão abertas as inscrições para a edição 2019.1 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Só para a UTFPR, são 4.442 vagas em 111 cursos de graduação.

O Sistema adota como critério de seleção as notas obtidas nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). No entanto, cada instituição pode aplicar um peso diferente para o grupo de disciplinas do Exame.

Na UTFPR, os pesos variam de 1 a 4, dependendo da disciplina e do curso pretendido. O peso 4, por exemplo, é aplicado na disciplina de matemática para todas as engenharias. Dessa forma, um candito que tenha feito uma boa pontuação nessa disciplina  confira aqui a relação completa dos pesos.

O Departamento de Processos Seletivos da UTFPR também disponbiliza os maiores e menores escores dos aprovados nas últimas edições do Sistema. Uma boa dica para quem quer ter uma noção de como foi a pontuação dos que conquistaram uma vaga na Universidade Tecnológica.

As inscrições ficam abertas até 25 de janeiro, diretamente na página do Sisu.

 

Alunas fazem vaquinha para apresentar projeto de extensão na Colômbia

O evento será realizado no próximo mês de maio, mas o grupo já se articula para levantar o valor dos custos da viagem. “Colocamos uma meta de R$ 20 mil na vaquinha, mas o quanto conseguirmos arrecadar será de excelente ajuda”, diz Isadora Freitas, uma das integrantes do grupo.

Projeto de extensão em matemática será apresentado em evento científico internacional (Imagem: Freepik)

Projeto de extensão em matemática será apresentado em evento científico internacional (Imagem: Freepik)

O aceite para apresentação do trabalho veio após a bem-sucedida experiência do projeto, executado em uma escola de crianças carentes de Apucarana. “Uma vez por semana eu e mais três colegas de turma levávamos jogos matemáticos para estimular o aprendizado das crianças. No começo elas sentiam muita dificuldade, mas com o passar do tempo percebemos que elas foram ficando mais próximas da matemática e as dificuldades diminuíram”, conta. O projeto atendia adolescentes de 14 a 17 anos.

Alunas durante apresentação de trabalho no Seminário de Extensão e Inovação da UTFPR (Foto: Divulgação)

Alunas durante apresentação de trabalho no Seminário de Extensão e Inovação da UTFPR (Foto: Divulgação)

Apresentado no Seminário de Extensão de Inovação da UTFPR (SEI), o trabalho foi premiado como o melhor banner dentre os demais produzidos por acadêmicos do Câmpus Apucarana.

Sobre a Conferência na Colômbia, Isadora diz ser uma oportunidade de representar a UTFPR e seus projetos em um evento de porte internacional, além do enriquecimento acadêmico que eventos do tipo de proporcionam.

Além da Isadora, fazem parte do projeto as alunas Bruna Castilho, Giovana Melendi e Laura Marco. Os trabalhos contam com orientação da professora Danielle Gonçalves.

Gostou da iniciativa das nossas futuras engenheiras?

Contribuições para a vaquinha podem ser feitas neste link.

II SAEnQ e IV Jornada da Química estão com inscrições abertas

Os cursos de Engenharia Química e Licenciatura em Química do Câmpus Londrina, promovem, de 22 a 26 de outubro de 2018, a II Semana de Engenharia Química e IV Jornada de Química. A abertura do evento será no dia 22, no auditório do Centro de Letras e Ciências Humanas da UEL, às 19h, com a palestra “Produção de Compostos Biotecnológicos e suas Aplicações nas Indústrias Químicas, Alimentícias, Farmacêutica e Agronômica”, proferida pela professora Ana Elisa Stefani Vercelheze (SENAI – Londrina).

Nos demais dias, de 23 a 25 de outubro, a programação será realizada nas instalações da UTFPR – Câmpus Londrina, na Avenida dos Pioneiros, n. 3131, Jd. Morumbi.

O objetivo do evento é reunir estudantes (curso técnico, graduação e pós-graduação) e profissionais da área para debates e atualização sobre os variados temas e problemáticas da química.

A programação conta com palestras, minicursos e apresentações de trabalhos. As temáticas a serem abordadas incluem temas atuais da área, tais como: Compostos Biotecnológicos, Indústria do Petróleo, HP Prime, Operações Unitárias na Indústria de Alimentos, Softwares Químicos, Cerveja artesanal, Encapsulamento, Produção de Biodiesel, Inovação na Indústria Farmacêutica, etc.

A submissão de trabalhos pode ser feita até 21 de setembro. Clique aqui para acessar o formulário de inscrição do evento.

O encerramento dos dois eventos será marcado pela palestra “Inovação na Indústria Farmacêutica”, com a pesquisadora da empresa de medicamentos genéricos Prati-Donaduzzi, Bruna Russiognoli Amaral, no auditório do SENAI, na rua R. Belém, 844 – Centro.

Confira mais informações e a programação completa.

Bolsas de estágio em pesquisa no Canadá

Atenção, galera que tá de olho em um intercâmbio!

Estão abertas as inscrições para o edital Mitacs Globallink, que oferece bolsas de estágio em pesquisa no Canadá para estudantes de diversos países, inclusive para os brasileiros 😉

O estágio remunerado em pesquisa corresponde a um período de 12 semanas, entre os meses de maio e outubro de 2019. Ao todo, 60 universidades canadenses participam do edital.

A inscrição deve feita no site do projeto pelo próprio aluno. Ao realizar a inscrição, o candidato deve escolher entre três e sete projetos existentes na lista fornecida no site, no mínimo de três províncias diferentes.

Mais informações estão disponíveis na página do programa.