Rematrícula 2017.2

Férias chegando ao fim e… o primeiro passo para começar com tudo o novo semestre letivo é fazer a rematrícula 😉

O procedimento, exclusivo para alunos veteranos, já está aberto para alguns câmpus e é feito exclusivamente pelo Portal do Aluno. O sistema automaticamente oferece uma sugestão de disciplinas. A prioridade é para os acadêmicos que estão no período, seguido por aqueles com dependência e, por fim, para os que queiram adiantar disciplinas. Nesta primeira etapa, são sugeridas apenas disciplinas que fazem parte da matriz curricular do curso.

Prazos para Requerimento

requerimento

Após esse requerimento, as matrículas são processadas e as vagas são analisadas. O ajuste e a confirmação da matrícula acontecem após a análise, que confirmará a grade de horários do aluno. Depois disso, o aluno pode ainda fazer a inclusão de disciplinas nas turmas com vagas disponíveis, podendo se matricular em disciplinas extracurriculares. Os demais prazos seguem os cronogramas abaixo:

Ajuste/Confirmação de Matrícula

ajuste e confirmação

Inclusão de Disciplinas

inclusão

Ah, também é importante lembrar alguns pontos sobre a rematrícula:

  • O requerimento não garante a vaga efetivamente. É necessário realizar a confirmação na data correta para garantir a vaga;
  • Os alunos com dependência(s) têm até três semestres letivos para refazer a disciplina. Do contrário, o estudante fica retido no sistema e não pode fazer as disciplinas do período atual;
  • Alunos com multas pendentes na biblioteca também ficam impossibilitados de realizar a rematrícula até que regularizem a situação.

Inscrições para o Hotel Tecnológico

Porque é na Universidade que surgem e amadurecem grandes ideias 😉

Três câmpus da UTFPR estão com editais abertos para a seleção de projetos para o Hotel Tecnológico. A ideia é estimular e fomentar a criação de empresas a partir de um ambiente que possibilite a concretização de ideias em negócios, caracterizados pela aplicação tecnológica.

No Câmpus Francisco Beltrão, são ofertadas duas vagas para pré-incubação, cujas propostas se enquadrem em uma das seguintes áreas: Informática, Engenharia Ambiental, Engenharia de Alimentos e Engenharia Química. As inscrições devem ser feitas até 17 de agosto. Os projetos selecionados poderão usufruir da infraestrutura do Hotel Tecnológico por até 12 meses, além de receberem consultorias em empreendedorismo, capital, mercado, tecnologia e gestão. Para conferir todas as regras, é só dá um confere no Edital de Seleção e no Edital de Chamada Pública.

Já no Câmpus Toledo, a chamada pública visa selecionar uma proposta de negócio que trabalhe em uma das seguintes áreas: Engenharia Eletrônica, Engenharia Civil, Engenharia de Computação, Engenharia de Bioprocessos e Biotecnologia, Tecnologia em Sistemas para Internet, Tecnologia em Processos Químicos e Licenciatura em Matemática. As inscrições devem ser feitas até 11 de agosto. A equipe poderá conter no mínimo um e no máximo cinco pessoas, não necessariamente do mesmo curso, sob orientação de um servidor da UTFPR. As demais regras estão disponíveis aqui.

O Câmpus Pato Branco, por sua vez, realiza sua seleção no formato de fluxo contínuo. As vagas são limitadas em até 10 projetos em regime pré-incubação no Hotel Tecnológico e até 10 para empresas incubadas na modalidade residente e não residente na Incubadora de Inovações Tecnológica (IUT). Tanto no Hotel quanto na Incubadora, são disponibilizadas infraestrutura e consultoria. Para saber mais, é só acessar o edital normativo da seleção.

 

 

 

O edital visa selecionar as propostas de estudantes da UTFPR e da comunidade externa, com cunho inovador para a pré-incubação no Hotel Tecnológico e para incubação na Incubadora de Inovações Tecnológica. É a oportunidade perfeita dos empreendedores que possuem uma ideia transformá-la em um negócio.

Segundo o Professor Marcio Gazolla, “no Hotel Tecnológico a ideia é selecionar projetos para pré-incubação que possuam ideias empreendedoras da comunidade acadêmica da UTFPR, por exemplo, um aluno que está desenvolvendo um projeto de pesquisa junto ao seu orientador que gera um produto ou serviço diferenciado ou mesmo um trabalho de conclusão de curso que possua alguma inovação embutida que possa se tornar uma empresa no futuro,” destaca o professor, também Chefe Responsável pelo Departamento de Apoio a Projetos Tecnológicos.

As vagas são limitadas em até dez projetos em regime pré-incubação no HT e até 10 para empresas incubadas na modalidade residente e não residente na Incubadora de Inovações Tecnológica (IUT). Tanto no HT quanto na IUT, é oferecida infraestrutura de uso compartilhado, mas que os empreendedores desenvolvam individualmente e trabalhando em conjunto.

Quem deseja submeter seu projeto deve entregar a documentação física necessária, conforme edital, na Diretoria de Relações Empresariais e Comunitárias do Câmpus! Tire seu projeto do papel e aplique o seu negócio!

Sisu 2017.2: Complemento da Lista de Espera

Mais uma oportunidade para quem tá muito a fim de uma vaga na Tecnológica 😉

A partir desta quarta-feira (12) o Departamento de Processos Seletivos recebe inscrições para o Complemento da Lista de Espera do Sisu 2017.2. O objetivo é cadastrar e classificar candidatos para subsidiar e complementar a relação de convocados para as Chamadas Nominais programadas para os Câmpus Apucarana, Campo Mourão, Cornélio Procópio, Dois Vizinhos, Francisco Beltrão, Guarapuava, Londrina, Medianeira, Pato Branco, Ponta Grossa, Santa Helena e Toledo.

As inscrições serão aceitas exclusivamente pela página ‘Futuros Alunos da UTFPR‘, até 4 de agosto, e o candidato deve optar por apenas um curso e um câmpus dentre os disponíveis. Também no ato da inscrição, é necessário que o candidato escolha em qual das prioridades pretende concorrer às vagas: notas do Enem 2016; notas do Enem 2012, 2013, 2014 ou 2015; e rendimento escolar informado no Histórico do Ensino Médio.

A relação dos convocados para a Chamada Nominal será divulgada na página Futuros Alunos e as reuniões da Chamada Nominal obedecerão o cronograma estabelecido no edital Sisu-UTFPR.

 

 

 

Câmpus Pato Branco finaliza preparativos para o Projeto Rondon 2017

E quem disse que julho é mês de férias? Para uma galera do Câmpus Pato Branco, é hora de meter o pé na estrada e compartilhar o conhecimento aprendido aqui na Tecnológica.

Os alunos estão em fase final de preparação das atividades que irão desenvolver no Projeto Rondon, na Operação Serra do Cachimbo, mais especificamente na cidade de Itaúba, no Mato Grosso. Durante pouco mais de 15 dias, de 14 a 30 de julho, a equipe da Tecnológica irá ministrar uma série de oficinas, entre elas: ‘A Arte de Contar Histórias’, ‘Água e Qualidade de Vida’, ‘Sistemas Individuais de Tratamento de Esgotos’, ‘Empreendedorismo: Discutindo Possibilidades’, ‘Associativismo e Cooperativismo’, ‘Instalações Elétricas: Capacitação e Aprimoramento’ e ‘Bomba Carneiro’.

Rondonistas do Câmpus Pato Branco (Foto: Divulgação)

Rondonistas do Câmpus Pato Branco (Foto: Divulgação)

“É a oportunidade de colocar todo o conhecimento agregado no curso de Administração em prática e transferi-lo para alguém que não teve a mesma oportunidade de estudo, por exemplo. Nossa equipe aqui da UTFPR de Pato Branco acredita que o aprendizado será recíproco e a viagem ao autoconhecimento será inevitável”, comenta Patiuska Vagner Oro, aluna do curso de Administração.

Também fazem parte da equipe, coordenada pelos professores Giovana Faneco Pereira e Thiago de Oliveira Vargas, os alunos Amanda Santos de Lima (Química), André Luiz Simonetti (Agronomia), Anelise Dick (Engenharia Civil), Fernanda Sanches Busch (Letras), Franciele Paludo (Agronomia), Maria Helena Belusso (Engenharia Elétrica) e Willians Raphael Francelino (Engenharia Mecânica).

Projeto Rondon

Coordenado pelo Ministério da Defesa, o Projeto Rondon tem por finalidade levar as Instituições de Ensino Superior (IES) e seus estudantes a diferentes regiões do Brasil, dando-lhes a oportunidade de conhecerem diferentes realidades, socializarem seus saberes e, na interação com as comunidades, elaborarem propostas e criarem soluções participativas, de modo a atenuar as deficiências estruturais locais, contribuir para o bem-estar dessas populações e, simultaneamente, consolidar a formação dos universitários como cidadãos.

 

Equipe do Câmpus Pato Branco conquista sete medalhas no Circuito Estadual de Badminton

O pódio é nosso, mais uma vez 😉

O Câmpus Pato Branco conquistou sete medalhas na segunda etapa do Circuito Estadual de Badminton, realizada entre os dias 15 e 17 deste mês, na cidade de Palmas (PR), e que reuniu mais de 300 atletas de todo o Paraná. Foram duas medalhas de ouro, quatro de prata e uma de bronze.

Integrantes da equipe de badminton do Câmpus Pato Branco (Foto: Divulgação)

Integrantes da equipe de badminton do Câmpus Pato Branco (Foto: Divulgação)

“O Badminton no Câmpus Pato Branco continua promovendo positivamente, pelo esporte, a UTFPR e, além disso, atende a um dos três pilares da Universidade, que é a extensão”, comenta o professor  Marco Szabo, um dos integrantes da equipe. Atualmente, também fazem parte da equipe os professores Géremi Gilson Dranka, Márcio Tadayuki Nakaura e Idalmir dos Santos; os alunos Gustavo Henrique Toló, Marcia Szabo; e os atletas externos Mara Regina de Moraes e Beatriz Linhares dos Santos.

A equipe da Tecnológica é pioneira no esporte na cidade de Pato Branco. Ah, e quem desejar participar do grupo com o objetivo de apenas praticar uma atividade recreativa ou mesmo participar de competições oficiais ou amistosas, os treinos acontecem nas segundas e sextas-feiras, das 19h às 21h, e noa sábados, das 16h às 18h.