Últimos dias de inscrições para transferência e aproveitamento de curso

transferencia_e_aproveitamento_de_curso_twitter_6734335763253456098

Encerra-se na próxima sexta-feira, dia 11, o período para inscrições no edital de transferência e aproveitamento de curso de graduação para o segundo semestre letivo de 2018. de cursos. São 1.815 vagas em 67 cursos dos 13 câmpus da Tecnológica.

O edital é destinado ao aluno regularmente matriculado ou com matrícula trancada em instituições de ensino superior brasileiras (transferência) e ao egresso de cursos de graduação destas mesmas instituições (aproveitamento de curso).

Para participar do processo seletivo, os interessados devem inicialmente preencher a ficha de inscrição disponível no Portal da UTFPR. Os demais passos para a inscrição estão descritos no edital.

A publicação do resultado está prevista para o dia 25 de junho, com prazo para envio de recursos até o dia 29. O resultado dos recursos será disponibilizado até o dia 6 de julho. Os selecionados em primeira chamada terão o dia 11 de julho para realizarem o registro acadêmico. Eventuais chamadas adicionais serão especificadas na publicação dos resultados.

O número de vagas por período, curso e câmpus e as áreas afins de cada curso por ordem de prioridade podem ser consultados no edital do processo seletivo. Nesta edição, o câmpus com maior oferta é o de Campo Mourão, com 212 vagas em seis cursos. O de menor oferta é o Câmpus Guarapuava, com 60 vagas em dois cursos.

Para mais informações, acesse a página do processo seletivo.

 

Alunos de Francisco Beltrão constroem protótipo de avião

Durante o ano de 2017, o Blog do Aluno apresentou inúmeros projetos bem legais desenvolvidos pelos alunos da Tecnológica. E para iniciar 2018 com chave de ouro, hoje você conhece um projeto dos alunos do curso de Licenciatura em Informática do Câmpus Francisco Beltrão, que resultou numa atividade de gerenciamento e desenvolvimento de um protótipo de avião planador.

Os alunos do 3º período receberam um desafio, na disciplina de Engenharia de Software, apresentado por um “cliente” (que na realidade era o professor responsável pela disciplina, Michel Albonico). A proposta consistia em construir um avião que decolasse sem o auxílio das mãos para impulso, voasse dois metros e pousasse em pé. É tipo um aviãozinho de papel que se mota quando crianças, mas agora em nível mais hard.

O projeto visa a utilização da metodologia SCRUM, que é um método de gestão e planejamento de projetos de software, onde os ciclos de atividades, chamados de Scrim, tem suas etapas divididas mensalmente. A metodologia incentiva o trabalho em equipe e à gestão inteligente, com distribuição de tarefas, reuniões periódicas e acompanhamento do desenvolvimento passo a passo do projeto.

E a cada etapa, o projeto ganhava novas atribuições, para simular situações reais do mercado de trabalho, onde os clientes solicitam diversas mudanças e avaliam seu produto. “Após alguns Sprints, nós voltamos com uma ideia para o cliente, que, por sua vez, passou um novo requisito: usar materiais de baixo custo e não utilizar madeira nem isopor. Assim, tivemos que modificar o projeto e então buscamos um protótipo de avião feito com palitos de churrasco e papelão, e já que ele não poderia ser lançado com a mão desenvolvemos também uma espécie de besta ou catapulta feita com palitos de picolé e dois elásticos de dinheiro”, conta o aluno Lucas Peruffo, que recebeu a tarefa de gerente do projeto.

E o resultado ficou bem legal. Confere só 😉

Protótipo de avião desenvolvido pelos alunos de Francisco Beltrão (Foto: Divulgação)

Protótipo de avião desenvolvido pelos alunos de Francisco Beltrão (Foto: Divulgação)

Além do resultado em si, com o auxílio da metodologia Scrum, os alunos puderam vivenciar o trabalho em equipe, com líderes acompanhando e distribuindo tarefas, coordenando e avaliando os resultados.

Vagas para o Sisu 2018.1 \o/

Já está disponível para consulta o quantitativo total de vagas que serão ofertadas pela Tecnológica na edição 2018.1 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Ao todo, serão 4 mil e 400 vagas distribuídas em mais de cem cursos dos 13 câmpus da Universidade.

Pode se inscrever no Sisu quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio, o famoso Enem, no ano de 2017 e obteve nota da redação diferente de zero. A inscrição, realizada exclusivamente no site do Sisu, dá ao candidato a opção de duas escolhas de cursos nas mais de 100 instituições de ensino superior participantes, de acordo com a oferta de cada uma.

Mais de 4 mil vagas serão ofertadas pela UTFPR no Sisu 2018.1

Mais de 4 mil vagas serão ofertadas pela UTFPR no Sisu 2018.1

Mas fique ligado! Na Tecnológica, os pesos das disciplinas sofreram algumas alterações, que dá pra conferir neste anexo. Também foram disponibilizados os últimos scores de maior e menor nota dos processos seletivos passados; é legal consultar essas relações pra ter uma ideia de como andam as notas pro curso que você quer ingressar.

Essas dicas possibilitam que você escolha a melhor opção de acordo com sua nota obtida no Enem e a nota de corte do curso, que é exibida todos os dias no site do Sisu durante o período de inscrição e vai mudando conforme as inscrições efetivadas.

Vale lembrar também que o Sisu adota o sistema da Lei de Cotas, que reserva 50% das vagas para as categorias que estarão listadas no edital do Sisu na UTFPR.

Agora é só ficar atento, pois as inscrições acontecem entre os dias 29 de janeiro e 1º de fevereiro de 2018 e o resultado da chamada regular é logo em seguida, dia 2 de fevereiro. Ah, é claro que existe também a listas de espera para os estudantes não convocados na primeira chamada. É fazer a adesão, também no site do Sisu, entre os dias 2 e 16 de fevereiro. Depois, basta acompanhar as chamadas complementares e cruzar os dedos 😉

Transferência e aproveitamento de curso 2018.1

Oportunidade para a galera já formada ou que esteja cursando graduação em outras instituições!

O processo seletivo de Transferência e Aproveitamento de Curso de Graduação para o primeiro semestre letivo de 2018 está com edital publicado e as inscrições ficam abertas até 1° de outubro. A seleção contempla cursos dos 13 câmpus da Tecnológica.

A seleção é destinada aos alunos regularmente matriculados ou com matrícula trancada e aos já graduados em instituições de ensino superior. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve preencher e enviar a ficha de inscrição pela internet, disponível na página ‘Futuros Alunos’.  A documentação exigida no edital deve ser encaminhada, no formato digital, ao Departamento de Registros Acadêmicos (Derac) do Câmpus da UTFPR onde o curso pretendido é ofertado.

No momento da inscrição, o candidato deverá estar matriculado, ou com matrícula trancada em período igual ou superior ao período mínimo exigido no curso de origem constante no Anexo I do edital, exceto os cursos de graduação.

Seleção para o Programa Pós-Graduação em Engenharia Elétrica e Informática Industrial

Estão abertas, até 10 de novembro, as inscrições para a seleção da turma 2018 do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica e Informática Industrial (Câmpus Curitiba). Ao todo, são oferecidas 70 vagas para as seguintes áreas de concentração: Engenharia Biomédica, Engenharia de Automação e Sistemas, Engenharia de Computação, Telecomunicações e Redes e Fotônica em Engenharia.

Para concorrer a uma das vagas, o interessado deve preencher o formulário on-line de inscrição, digitalizar e enviar a documentação comprovatória também pela página de inscrições. A classificação dos candidatos nessa primeira fase será feita com base na pontuação estabelecida pelo próprio edital normativo.

Logo na sequência, o candidato será submetido à Defesa de Proposta de Pesquisa (DPP). Nessa fase, uma banca constituída por até três professores irá avaliar as potencialidades do projeto, as pretensões e disponibilidades do candidato. As defesas serão agendas para o período de 4 a 8 de dezembro.

A divulgação dos candidatos selecionados ocorrerá até 15 de dezembro.

Doutorado

O ingresso de candidatos no curso de doutorado é realizado em regime contínuo; ou seja, não há data específica para inscrição. A matrícula é realizada após o cumprimento dos procedimentos para ingresso e sempre no início de uma das três fases, conforme calendário previsto no site do programa. Para o doutorado, são disponibilizadas até 60 vagas anuais.

Resumo

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica e Informática Industrial
Nível: mestrado acadêmico e doutorado;
Conceito Capes: 5;
Inscrições: até 10 de novembro.