Copel financia com até R$ 10 mil startups de tecnologia

A Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel) lançou um programa de incentivo às startups ligadas à energia e à tecnologia. O projeto Copel+ está com inscrições abertas até o próximo dia 27 e selecionará 10 startups para um programa de imersão com duração de seis meses.

Para participar, a empresa que está iniciando suas atividades deve inscrever-se através do site, ler atentamente o edital e passar por duas etapas.

1ª etapa: análise documental da atual situação da empresa (aspectos legais e tributários) e análise da proposta de parceria e modelo de negócios da Startup.

2ª etapa: entrevistas presenciais para verificar a aplicabilidade da proposta com os objetivos estratégicos da Copel.

As 10 startups selecionadas estabelecerão uma parceria com a Copel, e poderão desfrutar de alguns benefícios como livre uso dos espaços da organização, acesso à infraestrutura, mentoria especializada além de um incentivo de R$ 10 mil para executar o projeto.

Se você tem uma startup que trabalhe com a área de geração, transmissão, comercialização, distribuição de energia ou telecomunicações que possam agregar valor aos negócios da Copel, não perca a oportunidade e inscreva-se já!

Ada Lovelace Day 2017

Vai ter mulheres na Tecnológica, SIM!

Com o objetivo de mostrar (e celebrar, é claro!) tudo o que foi conquistado pelas mulheres na tecnologia, ciências, matemática e engenharias, o Coletivo Emíli@s – Armação em Bits realizou no último dia 10, no Câmpus Curitiba, o Ada Lovelace Day, evento que apresentou uma série de palestras, oficinas e debates sobre a inserção das mulheres nessas áreas.

Oficina do Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

A iniciativa é organizada pelo Departamento Acadêmico de Informática (Dainf) do Câmpus Curitiba com o objetivo de aumentar a representatividade feminina na área da Computação, despertando o interesse de futuras estudantes e mantendo a motivação das atuais acadêmicas dos cursos de Engenharia da Computação e Sistemas de Informação.

A professora Maria Cláudia Emer, uma das organizadoras do evento, comenta que, apesar dos vários avanços vivenciados nos últimos anos, a questão cultural ainda é um empecilho para inserção das mulheres em cursos de tecnologia, uma vez que graduações nessa área ainda estão relacionados ao esteriótipo masculino.

O ponto positivo é que diversas iniciativas, como o Ada Lovelace Day, visam romper essas barreiras. “Com a realização do evento, nós celebramos as conquistas de mulheres nas ciências e pretendemos alcançar a integração e compartilhamento de experiências entre mulheres e homens nas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática”, comenta Maria Cláudia.

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

Ada Lovelace Day 2017 no Câmpus Curitiba (Foto: Divulgação)

Ada Lovelace Day

O Ada Lovelace Day foi criado com o objetivo de celebrar as conquistas e feitos das mulheres na tecnologia, ciência, matemática e engenharia. O nome da data comemorativa faz referência a Ada Lovelace, matemática e escritora inglesa reconhecida por ter escrito o primeiro algoritmo para ser processado por uma máquina, isso ainda no século XIX. E olha que legal, Ada é considerada a primeira programadora de todos os tempos e não apenas a primeira mulher a escrever um código.

Trabalho de aluno de graduação é premiado em workshop nacional

Mais uma conquista dos nossos alunos 😉

O trabalho de iniciação científica do aluno do Bacharelado em Ciência da Computação do Cãmpus Campo Mourão, Luiz Felipe Fronchetti Dias, recebeu o prêmio de MELHOR ARTIGO do V Workshop de Visualização, Evolução e Manutenção de Software (VEM 2017), realizado no último dia 20 de setembro, em Fortaleza, junto ao VIII Congresso Brasileiro de Software (CBSoft).

Intitulado Who Drives Company-Owned OSS Projects: Employees or Volunteers?, o artigo foi orientado pelo professor Igor Steinmacher, em parceria com pesquisador Gustavo Pinto e seu orientando Jhoylan Santos, ambos da Universidade Federal do Pará. O artigo é parte do projeto de pesquisa do professor Steinmacher, recentemente aprovado no Edital Universal CNPq.

O artigo apresenta um estudo sobre a participação de desenvolvedores pagos e voluntários em projetos de software livre que são gerenciados/mantidos por empresas. Foram analisados dois projetos que pertencem ao GitHub (atom e hubot), que são projetos ativos, e receptivos a contribuições externas. Os achados mostraram que desenvolvedores que trabalham no GitHub são responsáveis por 45,54% dos pull-requests do projeto, enquanto contribuidores externos submeteram 54,46%. Também observou-se que desenvolvedores externos submetem variadas contribuições, desde documentação até código mais complexo.

Outro trabalho do professor Igor Steinmacher, em parceria com o professor Igor Wiese e Anderson Bergamini (aluno de mestrado da UEM), foi premiado com o 3° lugar neste mesmo evento.

O CBSoft, que é o principal evento científico da área de software do Brasil, contou com a participação de outros alunos do Câmpus Campo Mourão, incluindo a apresentação de 2 artigos na trilha principal do evento . Um deles apresentado pela também aluna de graduação Mairieli Wessel, sob orientação do professor Igor Wiese.

Segundo o professor Steinmacher, a premiação mostra a inserção da UTFPR entre as grandes universidades em termos de pesquisa de ponta no Brasil. “Vale ressaltar que publicações em eventos na área de Ciência da Computação são de mesma importância que publicações em periódicos (journals) e tem grande impacto, tendo inclusive avaliação de acordo com o Qualis”, comenta.

 

Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica 2017

Sim, muita gente quer ver o resultado da sua pesquisa!

Então, olha só esta oportunidade 😉

O Câmpus Londrina sediará, em 2017, o XXII Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (Sicite) da UTFPR, que será realizado entre 18 e 20 de outubro. Promovido anualmente pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG), pelas diretorias de Pesquisa e Pós-Graduação e pelo Comitê Interno Pibic/Pibiti, o evento é direcionado à divulgação dos resultados dos trabalhos de iniciação científica e tecnológica desenvolvidos por alunos bolsistas e voluntários no âmbito dos programas apoiados por agências de fomento. Para participar, os alunos deverão se inscrever e submeter seus trabalhos entre os dias 11 e 28 de agosto.

sicite

Para divulgarem seus trabalhos de iniciação científica e tecnológica, os alunos da UTFPR participantes dos programas institucionais de Iniciação Científica (Pibic), de Iniciação Científicas nas Ações Afirmativas (Pibic-AF), de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti), de Iniciação Científica para o Ensino Médio (Pibic-Jr e Pibic-EM) e de Voluntariado em Iniciação Científica e Tecnológica (PVICT) poderão se inscrever nas modalidades apresentação oral ou pôsteres. Durante o evento, os trabalhos apresentados são avaliados por uma comunidade acadêmico e os resultados são divulgados para a sociedade em geral.

Além das apresentações de trabalhos, a programação do Sicite contará com palestras.

Mais informações estão disponíveis na página do Sicite.

Festival da Matemática realiza atividades nos Câmpus Curitiba e Cornélio Procópio

Os Câmpus da Tecnológica nas cidades de Curitiba e Cornélio Procópio realizam neste mês de agosto a primeira edição do Festival da Matemática, evento organizado em alusão ao Biênio da Matemática no Brasil, celebrado entre 2017 e 2018 com o objetivo de disseminar o campo do conhecimento.

20170809_155733

Em Curitiba, o Festival será oficialmente aberto no dia 18, às 14 horas, no Auditório Caio Amaral Gruber, no Centro de Eventos do Sistema FIEP. No dia 19 de agosto, na Sede Centro do Câmpus Curitiba, serão oferecidos cursos com duração de oito horas para professores e estudantes da área – confira aqui a programação completa. Também serão realizadas exposições, oficinas e divulgação de trabalhos e pesquisas sobre a matemática e o ensino de matemática. Clique aqui para fazer a inscrição.

Já no Câmpus Cornélio Procópio, a cerimônia de abertura será realizada no dia 29, às 19h, no Anfiteatro da Tecnológica. Também estão programadas, para o período de 21 a 31 de agosto, oficinas para alunos das redes pública e privada de ensino e exposição de trabalhos acadêmicos.

Sobre o Biênio

Biênio da Matemática no Brasil (2017-2018) foi criado como forma de potencializar dois eventos internacionais da área que serão realizados no Brasil: a Olimpíada Internacional da Matemática (IMO 2017) e o Congresso Internacional de Matemáticos (ICM 2018). A agenda positiva se destina a um público amplo, desde estudantes, professores, pesquisadores e renomados cientistas até o público em geral. O objetivo é envolver toda a sociedade em experiências enriquecedoras no mundo da Matemática.