Estudante da UTFPR desenvolve plataforma para empréstimo de livros

Mais que uma tendência de mercado, as plataformas colaborativas têm se popularizado pela vasta oferta de produtos e serviços. E é claro que elas também têm espaço para os nossos companheiros de todas as horas, os livros!

É o caso do Matchbook. Desenvolvida pelo aluno da MBA em Gestão de Negócios do Câmpus Curitiba, Leonardo Teixeira, em parceria com Lucas Teixeira e Marcelo Gomes, a plataforma permite o empréstimo de obras literárias entre seus usuários garantindo a entrega do exemplar físico até o cliente.

site_matchbook

Site disponibiliza diversos gêneros, desde as romances até livros acadêmicos

Com um valor fixo mensal de R$ 19,90, o Matchbook garante ao usuário a opção de escolher um título do catálogo e, no prazo de 24 horas, recebê-lo no local desejado. O empréstimo dura o tempo que o assinante desejar e, após a leitura, o livro é recolhido. Cada usuário pode solicitar um exemplar por vez, mas não há um número máximo de empréstimos mensais.

E tem gênero para todo gosto: suspense, romance, policial, autoajuda, biografia, história, literatura internacional, administração, ciências sociais, gastronomia e por aí vai. Ah, o site também funciona como uma rede social, que possibilita a interação entre os usuários para debates e classificação das obras.

Quer conhecer mais ou assinar os serviços do Matchbook? Acessa aí a página dos caras: http://www.matchbook.com.br/

 

Alunos de Guarapuava montam cursinho gratuito de preparatório para o Enem

Linda iniciativa da galera do Câmpus Guarapuava! <3

Um grupo de alunos dos cursos de graduação da UTF de Guarapuava desenvolve desde o ano passado um curso preparatório para as provas do Enxame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Pró-Enem. As aulas são gratuitas e destinadas a estudantes de baixa renda, em especial aos da rede pública de ensino.

A seleção da turma é feita por meio de uma análise sócio-econômica, que privilegia alunos em situação de maior vulnerabilidade social. As aulas do projeto são focadas nas provas do Enem e abrangem as disciplinas de matemática, química, física, inglês, espanhol e redação.

Voluntário do Pró-Enem, organizado pelo Câmpus Guarapuava

Voluntário do Pró-Enem, organizado pelo Câmpus Guarapuava

“Iniciamos o projeto no primeiro ano com uma turma de 40 alunos e esse ano abrimos duas turmas com 40 alunos. Ou seja, já atendemos em torno de 120 alunos em dois anos”, comemora Gilmar Lejambre, aluno de engenharia mecânica e um dos voluntários do Projeto.

Ah, e os resultados estão por aí! Já foram 10 aprovações em universidades públicas, em cursos como engenharia mecânica, agronomia, química e tecnologia em sistemas para internet.

 

Ação para reduzir o consumo de descartáveis no RU do Câmpus Curitiba

Já parou pra pensar na quantidade de descartáveis que consumimos?

Pois é, só no Restaurante Universitário (RU) do Câmpus Curitiba são 2 mil e 500 unidades de copos descartáveis que, logo após o almoço, seguem direto para o lixo. Achou muito? Agora imagina isso ao longo de todo um ano letivo!

E para conscientizar geral sobre o tema, um grupo de alunas do curso de Design iniciaram neste semestre a campanha ‘Meu Caneco’.  Agora, todas as quartas-feiras o próprio RU do Câmpus Curitiba deixa de fornecer copos descartáveis para o open suco, estimulando assim, os alunos a trazerem seus copos e canecas.

IMG-20160817-WA0011

Ação propõe a substituição de copos descartáveis por canecas (Foto: Divulgação)

“O objetivo era criar uma campanha gráfica a ser utilizada no Câmpus alertando alunos e servidores sobre alguns problemas que temos em relação a geração de resíduos, energia, consumo, desperdício de recursos e entre outros. Optamos por trabalhar a geração de resíduos no RU e percebemos que os copos descartáveis são a questão mais problemática e resolvemos focar nisso”, conta Bianca Giordani.

Também fazem parte do projeto as alunas Amanda Monteiro, Carolina Baronio e Fernanda Machoseki, além do próprio RU, o Núcleo de Educação e Direitos Humanos (Nuedh) e o Projeto Jogada Certa.

Então, que tal adotar permanentemente esse hábito? Não custa nada e, com todos juntos, pode ser uma grande ajuda para o meio ambiente!

Vídeo do Câmpus Apucarana é um dos vencedores do Desafio Zika Zero

O Câmpus Apucurana participou do desafio EducAção #ZikaZero e venceu a fase estadual do projeto. Organizada pelo Ministério da Educação, a campanha tem como objetivo promover uma ação nacional de combate ao Aedes aegypti e à microcefalia. Após a primeira fase, os finalistas agora passam por um júri técnico e uma votação popular. Os vídeos vencedores receberão prêmios de até R$ 25 mil.

Vídeo do Câmpus Apucarana está entre os finalistas

Vídeo do Câmpus Apucarana está entre os finalistas do Zika Zero

E é a partir de agora que todo mundo entra na jogada para poder ajudar a galera de Apucarana. Sim, porque um dos critérios da etapa nacional é o voto popular. Para votar, basta entrar na página do Programa, escolher o vídeo da UTF, clicar em ‘votar’ e cadastrar seu e-mail ou logar com sua conta do Facebook.

O vídeo relata uma pesquisa, coordenada pelo professor Halison Golias, que coleta informações sobre o comportamento do inseto transmissor da dengue, zika e chikungunya. A pesquisa é realizada há três anos e também envolve orientação a alunos, servidores e comunidade externa.

O concurso teve, em todo o país, mais de 1,5 mil participantes e mais de 1,2 mil propostas apresentadas desde o final do mês de junho. Os grupos são separados por categorias: institutos e universidades, escolas públicas e pessoas físicas.

Câmpus Pato Branco realiza terceiro Festival Universitário de Cultura e Arte

Uma semana repleta de atividades e eventos culturais. É assim que está sendo a terceira edição do Festival Universitário de Culta e Arte do Câmpus Pato Branco, o Fuca, realizado até este sábado (20) nas dependências da própria Universidade.

O objetivo do evento é promover uma série de intervenções artísticas e trazer para o debate temáticas de cunho social. O Fuca teve início na última terça-feira, mas é tanta coisa boa rolando que acaba sendo pouco tempo pra vivenciar tudo. Olha só: já teve apresentação de peças tatrais, musicais, artesanatos e trabalhos artísticos produzidos por alunos e servidores do câmpus.

Alunos do Câmpus Pato Branco realizam apresentação musical durante o III Fuca

Alunos do Câmpus Pato Branco realizam apresentação musical durante o III Fuca

E como não só de estética que vive a alma, tem muito debate bacana acontecendo. Um deles foi a palestra ‘A Educação como Cultura, a Escola como Lugar da Arte’, ministrada pelo professor Carlos Brandão, doutor em Ciências Sociais. “Benditas as universidades que começam encontros com rodas de viola e com uma professora de matemática que canta e toca clarineta”, comentou ao ressaltar a diversidade do evento.

Para este sábado, sete bandas vão realizar a festa de encerramento do Festival. A entrada é gratuita e não precisa de inscrição prévia. Então, é só chegar! 😉